Oração dos que sofrem

Oração dos que sofrem

Oração dos que sofrem

Para os seus dias de dor e trevas

Meu Deus,

deponho a ao vossos pés o meu fardo

de sofrimentos, de tristezas, de renúncias;

ofereço tudo pelo Coração de Jesus

e peço ao vosso Amor que transforme estas provas

em alegria e santidade para os que amo,

em graça para as almas,

em dons preciosos para Vossa Igreja.

Neste abismo de acabrunhamento físico,

desgostos e de cansaço moral,

de trevas, em que me lançastes,

deixai passar um raio de vossa triunfante claridade!

Ou melhor – porque as trevas de Getsêmani

e do Calvário são fecundas – fazei que todo este mal

sirva para o bem de todos.

Ajudai-me a ocultar o despojamento interior

e a pobreza espiritual sob a riqueza do sorriso

e os esplendores da caridade.

Quando a cruz se tornar mais pesada,

ponde a vossa doce Mão sob o fardo que

Vós mesmo colocastes sobre meu corpo dolorido.

Senhor, eu vos adoro e ainda sou

e serei sempre a vossa devedora, porque,

como Divino contrapeso aos meus sofrimentos,

Vós me dais a Eucaristia do Céu.

Aleluia!

(Brandão, Ascânio. Breviário da Confiança: Pensamentos para cada dia do ano. Oficinas Gráficas “Ave-Maria”, 1936, p. 217.